Private equity: XP realiza maior fusão da oftalmologia

No ano passado, o fundo de private equity da XP entrou no mercado de oftalmologia com a compra do CBV - o hospital de olhos referência de Brasília - e uma estratégia agressiva de consolidar um dos segmentos da saúde mais pulverizados do Brasil.


De lá para cá, o CBV fez quatro aquisições que posicionaram a empresa como um player dominante em cidades como Recife, Cuiabá e Teresina.


Agora, a XP está fundindo essa holding com o Grupo H. Olhos, a segunda maior rede de oftalmologia de São Paulo com dois hospitais e seis clínicas.


A fusão cria uma companhia - batizada de Vision One - com faturamento de R$ 500 milhões, market share de mais de 5% e presença forte no maior mercado consumidor do País.


A fusão hoje tem sinergias importantes, que vão desde um maior poder de barganha nas compras de insumos até melhorias nos processos, eficiência operacional, e a parte de pesquisa e qualidade médica.


Há mais de cinco mil clínicas e hospitais oftalmológicos no País, mas o mercado ainda é subpenetrado. Enquanto os Estados Unidos fazem 10 cirurgias de olhos para cada mil habitantes por ano, o Brasil faz apenas três.


Leia mais em Brazil Journal


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square