Patagon M&A - Tecnologia - Avenue, Acesso Digital e Conexa Saúde negociam aportes de mais de R$



Em entrevista ao NeoFeed, Pedro Melzer, CEO da e.bricks ventures, fala sobre as movimentações nas empresas investidas pela gestora, processos de M&A em andamento, a mudança no mercado de venture capital e alerta que não haverá mais espaço para empreendedores e investidores aventureiros


A gestora de venture capital e.bricks ventures, com participação em 27 empresas, estava em plena captação de seu terceiro fundo quando a Covid-19 explodiu no Brasil. O plano inicial era alcançar US$ 100 milhões, mas, até então, foram captados US$ 40 milhões.


“Agora estamos em espera”, diz Pedro Melzer, o CEO da gestora, ao NeoFeed. Mas isso não quer dizer que estão parados. A e.bricks ventures assinou um acordo com uma grande plataforma de investimentos para distribuir, pelo menos, 30% do fundo três.


Antes dele, a empresa já tinha captado R$ 100 milhões para o fundo um e outros R$ 200 milhões para o fundo dois. Com o dinheiro, investiu em negócios como GuiaBolso, BCredi, Contabilizei, Sanar, entre outras.



Leia mais em: Neofeed

Posts Em Destaque
Ainda não há posts publicados nesse idioma
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square